Estado de Alagoas

Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

» Página Inicial Sala de Imprensa Notícias 2017 06 - Junho Núcleo do IML de Maceió recebe Comenda Neide Castanha
20/06/2017 - 11h32m

Núcleo do IML de Maceió recebe Comenda Neide Castanha

Reconhecimento foi pelo trabalho de atendimento humanizado a crianças vítimas de violência

Núcleo do IML de Maceió recebe Comenda Neide Castanha

comenda foi entregue ao chefe do IML, perito médico legista Fernando Marcelo, aos integrantes do Naps (Fotos: Ascom/ Perícia Oficial)

Texto de Aarão José

O Núcleo de Apoio Psicossocial do Instituto de Medicina Legal de Maceió (IML) recebeu, na manhã desta segunda-feira (12), a comenda Neide Castanha da Câmara de Vereadores de Maceió. A honraria foi em reconhecimento pelo trabalho desenvolvido no atendimento de crianças vítimas de violência física e sexual que são encaminhadas ao IML para realizar o exame de corpo de delito.

 

A comenda foi entregue ao chefe do IML, perito médico legista Fernando Marcelo, à assistente social Sonaly Freire e às psicólogas Amanda Nunes, Isabel Tereza de Paula  e Rita Carla Sales, todos integrantes do Naps.

 

 

A honraria foi uma proposição do vereador Siderlane Mendonça, presidente da Comissão de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente, e ocorreu durante audiência pública alusiva ao dia 12 de junho, quando é celebrado o Dia Mundial Contra o Trabalho Infantil.

 

“Agrademos o recebimento dessa comenda, que representa o reconhecimento do trabalho desenvolvido pela nossa equipe no combate direto à violência contra a criança e o adolescente. Uma semente que foi plantada e segue sendo regada diariamente e apresentando resultados positivos”, afirmou o médico legista.

 

O chefe do IML, Fernando Marcelo, explicou que o Naps foi idealizado pelos próprios funcionários do órgão, que se sensibilizaram com o alto registro de casos e decidiram, por contra própria, criar o espaço destinado ao atendimento prioritário de crianças vítimas de violência no Estado.

 

 

Em 2014, os funcionários realizaram uma campanha e montaram a sala do Naps com decoração infantil e uma brinquedoteca equipada com livros, jogos e brinquedos.

 

No local, a equipe do Naps recebe a criança encaminhada pela delegacia com um atendimento totalmente humanizado, onde o menor é preparado para fazer o exame de corpo de delito realizado pelo perito médico legista plantonista.

 

De 2013 a 2015, o Naps realizou 1411 atendimentos a crianças de 0 a 12 anos de idade, sendo 111 exames de estupro por ato libidinoso, 652 exames para comprovar estupro por conjunção carnal e 648 exames em vítimas de lesão corporal.

Ações do documento